img-book

1961 – O Brasil entre a ditadura e a Guerra Civil

"Fui vencido pela reação e assim deixo o governo. Nestes sete meses cumpri o meu dever. [...] Sinto-me, porém, esmagado. Forças terríveis levantam-se contra mim e me intrigam ou infamam, até com a desculpa de colaboração". Em 25 de agosto de 1961, o Brasil foi surpreendido pela carta de renúncia do presidente Jânio Quadros. O impasse estava criado. Quem assumiria o poder: o vice-presidente, João Goulart, na ocasião em viagem oficial à China, ou a junta militar formada por Odílio Denys, Gabriel Grün Moss e Sílvio Heck? Enquanto isso, no Rio Grande do Sul, o governador Leonel Brizola, temendo um golpe militar, levantava trincheiras no Palácio Piratini, sede do governo gaúcho, e convocava os brasileiros a sair às ruas e resistir ao golpe que se prenunciava. A história desses dias, de uma crise institucional que era herança de outra (a de Getulio Vargas) e que poucos anos depois resultaria em longa ditadura militar, é contada aqui pelos jornalistas Paulo Markun e Duda Hamilton num trabalho de pesquisa detalhista e criterioso. Leitura obrigatória para entender um dos episódios mais importantes da história recente do país. ... + mais
Formatos Disponíveis Código do Produto Preço sugerido
LIVRO DIGITAL ISBN: 9788502142619 R$30,10
Sobre o Livro
Sinopse

"Fui vencido pela reação e assim deixo o governo. Nestes sete meses cumpri o meu dever. […] Sinto-me, porém, esmagado. Forças terríveis levantam-se contra mim e me intrigam ou infamam, até com a desculpa de colaboração". Em 25 de agosto de 1961, o Brasil foi surpreendido pela carta de renúncia do presidente Jânio Quadros. O impasse estava criado. Quem assumiria o poder: o vice-presidente, João Goulart, na ocasião em viagem oficial à China, ou a junta militar formada por Odílio Denys, Gabriel Grün Moss e Sílvio Heck? Enquanto isso, no Rio Grande do Sul, o governador Leonel Brizola, temendo um golpe militar, levantava trincheiras no Palácio Piratini, sede do governo gaúcho, e convocava os brasileiros a sair às ruas e resistir ao golpe que se prenunciava. A história desses dias, de uma crise institucional que era herança de outra (a de Getulio Vargas) e que poucos anos depois resultaria em longa ditadura militar, é contada aqui pelos jornalistas Paulo Markun e Duda Hamilton num trabalho de pesquisa detalhista e criterioso. Leitura obrigatória para entender um dos episódios mais importantes da história recente do país.

Informações

Digital

ISBN: 9788502142619
Ano: 2011

Outros livros de: JORNALISMO E HISTÓRIA