img-book

BREVES NARRATIVAS DIPLOMÁTICAS

CELSO AMORIM

Ao longo dos 12 anos em que foi embaixador do Brasil em Genebra e Londres e ministro das Relações Exteriores do governo Lula, Celso Amorim colecionou histórias que foi anotando no que lhe caía à mão. Se não estava com seu molesquine, aproveitava o verso dos menus de jantares para os quais era convidado, envelopes de correspondência, blocos de recado de hotel. Nada o privava de registrar uma impressão ou opinião no calor da hora.

Abrangendo o período entre dezembro de 2002 e meados de 2004, Amorim aborda, neste livro, a posição do Brasil no ataque ao Iraque. Revela toda a articulação do país para que a Venezuela aceitasse a presença da OEA no referendo de 2004, que confirmou Hugo Chávez na presidência. Expõe em detalhes os embates que travou com o representante comercial dos Estados Unidos, Bob Zoellick, na tentativa de criar a Alca. E relata a luta para reforçar a posição do Brasil e dos países em desenvolvimento na Rodada Doha.

A seleção que compõe Breves narrativas diplomáticas oferece uma visão privilegiada e por vezes íntima das discussões que marcaram a atuação internacional do Brasil no governo Lula e foram fundamentais para alçar o país a uma posição de destaque no cenário mundial. 

... + mais
Formatos Disponíveis Código do Produto Preço sugerido
LIVRO IMPRESSO
168 páginas
ISBN: 9788582400258 R$27,00
LIVRO DIGITAL ISBN: 9788582400319 R$18,90
Sobre o autor
avatar-author

CELSO AMORIM

Celso Amorim nasceu em Santos (SP), em 1942. Depois de breve incursão pelo cinema, iniciou-se na carreira diplomática em 1963, formando-se pelo Instituto Rio Branco e fazendo pós-graduação na Academia Diplomática de Viena e na London School of Economics and Political Science. Foi presidente da Embrafilme, embaixador em Genebra, presidente do Conselho de Segurança da ONU e ministro das Relações Exteriores nos governos Itamar e Lula. Em 2010, a revista Foreign Policy colocou-o em sexto lugar no ranking dos maiores pensadores globais.
Outros livros do autor
Outros livros do autor
Sobre o autor
Sobre o Livro
Sinopse

Ao longo dos 12 anos em que foi embaixador do Brasil em Genebra e Londres e ministro das Relações Exteriores do governo Lula, Celso Amorim colecionou histórias que foi anotando no que lhe caía à mão. Se não estava com seu molesquine, aproveitava o verso dos menus de jantares para os quais era convidado, envelopes de correspondência, blocos de recado de hotel. Nada o privava de registrar uma impressão ou opinião no calor da hora.

Abrangendo o período entre dezembro de 2002 e meados de 2004, Amorim aborda, neste livro, a posição do Brasil no ataque ao Iraque. Revela toda a articulação do país para que a Venezuela aceitasse a presença da OEA no referendo de 2004, que confirmou Hugo Chávez na presidência. Expõe em detalhes os embates que travou com o representante comercial dos Estados Unidos, Bob Zoellick, na tentativa de criar a Alca. E relata a luta para reforçar a posição do Brasil e dos países em desenvolvimento na Rodada Doha.

A seleção que compõe Breves narrativas diplomáticas oferece uma visão privilegiada e por vezes íntima das discussões que marcaram a atuação internacional do Brasil no governo Lula e foram fundamentais para alçar o país a uma posição de destaque no cenário mundial. 

Informações

Impresso

ISBN: 9788582400258
Páginas: 168
Ano: 2013

Digital

ISBN: 9788582400319
Ano: 2013

Outros livros de: JORNALISMO E HISTÓRIA
Outros livros de: Lançamentos